Notícias


14/09/2015 - 08:25:53

Empregada muda versão e diz que pai de Bernardo tinha arma em casa




Reportagem do programa Fantástico, da Rede Globo, mostra que a empregada doméstica Nelci de Almeida e Silva mudou a versão dada em depoimento na época da morte da mãe do menino Bernardo, em Três Passos. Ela disse à polícia ter visto uma arma no cofre da família.

Nelci trabalhava na casa de Odilaine e Leandro Boldrini em 2010. Odilaine, mãe de Bernardo, cometeu suicídio, segundo a primeira versão do caso, que agora é revisto.

A empregada disse agora que não mencionou a informação no primeiro depoimento à polícia porque tinha medo. Em 2010, Leandro negou, em depoimento, que tivesse uma arma.

Em 2015,  um laudo do Instituto Geral de Perícias ficou pronto e atestou não ser possível identificar se a bala que matou Odilaine saiu do revólver encontrado no local que ela morreu.

A carta de suicídio deixada por Odilaine é contestada pela família.

Fonte: Gaúcha

Foto: Reprodução
Postado por: Maira Kempf

Mais Notícias

Enquete ver parcial

Você acha que Lula deve ser preso?

E-mail: [email protected]

Fone: (55) 3781-1255

Endereço: Pe. Roque Gonzáles, 08, Centro

Santo Augusto | RS | Brasil | 98590-000