Notícias

13/03/2019 - 10:44:36
Postado por: Redação

Caso Bernardo: terceiro dia de Júri começa com ânimos alterados




Primeira testemunha foi Luiz Omar Gomes Pinto, que trabalhou com Leandro em serviços gerais

Nesta quarta-feira, 13, por volta das 9 horas teve início na Comarca de Três Passos o terceiro dia do Júri dos acusados de matar Bernardo Boldrini. 
A sessão iniciou com a continuidade dos depoimentos das testemunhas de defesa de Leandro Boldrini – três prestaram depoimento na terça-feira.  
Luiz Omar Gomes Pinto, que trabalhou com Leandro em meados de 2008, disse que Leandro era um pai amoroso, que mesmo em situações diversas mantinha tranquilidade.  Porém, contou que sabia que Bernardo passava por dificuldades com Graciele, que inclusive o menino disse à sua mulher – que teria trabalhado na casa de Leandro – que a madrasta tentou sufocar ele com um travesseiro. Diante dessas situações, por medo de represália da família de Três Passos, sua mulher contou a situação para a vó materna de Bernardo, Juçara. 
Durante a sessão, pouco antes das 10 horas, ainda no primeiro depoimento, a Juíza Sucilene Engler teve que interromper os trabalhos de questionamento das defesas, devido ao advogado de Edelvânia Wirganovicz, Jean Severo. 
Em plenário, ao questionar a testemunha se o mesmo sabia de alguma traição por parte de Graciele, o advogado ouviu do depoente “o senhor pode falar mais baixo, por favor”, momento em que se exaltou e o retrucou dizendo “o senhor está mentindo”, se referindo ao conteúdo dito por Omar em juízo.  
Em seguida, quando o Ministério Público fazia questionamentos, a sessão novamente teve que ser interrompida, devido a testemunhas que estavam em uma sala posterior  sentirem-se mal. 
Nesta fase, serão seis testemunhas. A expectativa é para o depoimento de Luiz Gabriel Passos, perito que analisou o receituário que teria sido comprado o medicamento midazolan que , segundo as investigações, matou Bernardo. Na sequência será ouvida como informante a senhora Maria Lucia Richter Cremonese, professora e amiga da família de Leandro.

 

Mais Notícias

Enquete ver parcial

A maioria da população brasileira é a favor da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos...e você?