Notícias

14/03/2019 - 16:39:43
Postado por: Redação

Caso Bernardo: não posso negar o que eu não fiz vossa excelência, diz Evandro




Pai de duas crianças, chorando muito Evandro disse que não tem participação alguma no crime

Em um depoimento rápido, que durou pouco mais de 20 minutos, Evandro Wirganovicz contou sua versão dos fatos.

Chorando muito o motorista de caminhão disse: “não sabia de nada e não fiz nada”. Questionado então se negava os acontecimentos, ele afirmou: “Eu não nego, eu não fiz vossa excelência”. “Eu tenho orgulho de ser quem eu sou, Deus sabe o que eu fiz. Eu não devo, eu não fiz”.

Contou que nesses cinco anos de prisão viu seus dois filhos, uma menina que hoje tem cinco anos e um menino de oito anos em visitas trimestrais que não duraram mais de duas horas cada. “Eu não vi eles crescer”.

Informou não saber explicar os motivos que levaram sua irmã a participar desse crime.  Disse que chorou quando sua esposa o questionou porque não admite ela ter questionado sua índole. - Sempre fui humilde e sempre vou ser. Disse que seu carro estava nas proximidades do local onde o corpo de Bernardo foi encontrado porque havia ido pescar nas proximidades. Eu não fiz nada e nunca vou fazer.  O réu contou que sua esposa o abandonou há cerca de dois anos.

Orientando por sua defesa a não responder os questionamentos do Ministério Público, o depoimento foi encerrado.

Em seguida, inicia a fase de debates. Será uma hora para cada defesa e quatro horas para o Ministério Público. Mais réplica e tréplica. A previsão é que o júri termine nesta sexta-feira.

 

 

Mais Notícias

Enquete ver parcial

A maioria da população brasileira é a favor da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos...e você?