Notícias


12/01/2012 -

Governo deve anunciar na sexta-feira medidas emergenciais para agricultores do Sul




O governo federal deve anunciar nesta sexta-feira (13), medidas emergenciais para os produtores rurais da Região Sul afetados pelo longo período de seca que provoca perda de safra. O Rio Grande do Sul e Santa Catarina são os estados mais afetados, além de alguns municípios do Paraná.

A prorrogação das dívidas dos agricultores está entre as medidas em discussão, segundo o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra. "Claro que deve ter anúncio para prorrogação dessas dívidas, contratação de custeios, que são instrumentos utilizados quando ocorre uma frustração de safra. Estamos estudando os pleitos do Rio Grande do Sul na transferência de recursos para construção de cisternas e reforço na oferta de recursos hídricos", disse em entrevista coletiva, após reunião na Casa Civil.

O ministro Fernando Bezerra disse que cerca de R$ 3 bilhões foram financiados pelos produtores dos estados do Sul atingidos, contudo, boa parte desses recursos está protegida pelo seguro rural. De acordo com o ministro, a principal preocupação é com os pequenos agricultores que não têm o seguro e com as cooperativas que financiam esses agricultores.

"A preocupação do governo é mais com aqueles que não têm o seguro rural e, portanto, estão vivendo uma dificuldade grande de concluir a safra frustrada, manter a atividade de sua propriedade e contratar um novo custeio", destacou o ministro.

Na terça-feira (10), ocorreu uma reunião sob coordenação da Casa Civil para a elaboração das medidas, e hoje as ações devem estar finalizadas, segundo o ministro da Integração Nacional. Amanhã, ele e o ministro da Agricultora, Mendes Ribeiro, devem se reunir com o governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, quando as medidas podem ser anunciadas.
 
Agência Brasil

Mais Notícias

Enquete ver parcial

Qual é sua expectativa em relação às eleições?

E-mail: [email protected]

Fone: (55) 3781-1255

Endereço: Pe. Roque Gonzáles, 08, Centro

Santo Augusto | RS | Brasil | 98590-000