Andre Motta

Brasil Joga bem e vence a Argentina que reclama do apito

3 de julho de 2019


Curta e Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Brasil e Argentina dificilmente o jogo termina no apito final do árbitro. O jogo segue com as declarações, reclamações e com as flautas (hoje conhecidas como MEMES).

Uma coisa é certa: o Brasil ganhou na bola e na raça, algo que nos tempos de hoje é raro, mas vale o mérito, por mais que seja em um jogo só, ainda mais se for contra os Hermanos.

Mais uma vez Messi jogou pouco, até quis, mas foi parado por Casemiro e Daniel Alves que foram implacáveis com o camisa 10 argentino. Quem jogou mesmo, foram Gabriel Jesus e Daniel Alves, esses sim, fizeram a diferença no jogo.

A seleção Brasileira de um modo geral foi muito bem, em nenhum momento se desligou do jogo, até mesmo quando a Argentina pressionou e era melhor em campo, o Brasil soube “sofrer” e com eficiência, no único contra-ataque que teve, matou o jogo.

A Argentina coloca a derrota na conta da arbitragem. Um exagero! Mas parte de sua reclamação procede. No lance envolvendo Otamendi e Arthur – que o VAR checou – como é um lance de interpretação, pra mim foi pênalti, só que neste momento o jogo já estava 2 a 0.

O outro lance, e que originou o segundo gol do Brasil, os argentinos também reclamam de um pênalti de Daniel Alves em cima de Agüero, neste caso, para mim, não houve pênalti. Messi toca a bola buscando Agüero, o detalhe neste lance é que antes que a bola chegasse no atacante argentino, o zagueiro Tiago Silva aparece e da um chutão pra frente, a bola não chegaria no seu objetivo final, por isso, não vejo pênalti.

Pra encerrar, como escrevi outro dia, o Brasil jogou bola, mereceu a vitória, e o Messi e as suas reclamações que VARse-dana!

Deixe seu comentário

error: Conteúdo protegido !!!