Santo Augusto

Câmara de Vereadores trocará de endereço e valor do aluguel gera questionamentos

14 de maio de 2019 Segundo o contrato, valor do aluguel será de seis mil reais, mais gastos com adequações do prédio.


Curta e Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

Tem gerado bastante comentários o fato de a Câmara de Vereadores de Santo Augusto mudar de endereço.

Na manhã desta terça-feira, 14, o presidente do Poder Legislativo, vereador Horácio Dornelles, acompanhado do vereador Douglas Bertolo, concederam entrevista à Rádio Querência.

Eles informaram que a decisão foi tomada para cumprir uma medida judicial imposta pelo Ministério Público – onde tramitam dois inquéritos para apurar a falta de PPCI (Plano de Prevenção e Combate a Incêndio) nos pavimentos da Prefeitura e Câmara de Vereadores.

Cabe ressaltar que o imóvel é de propriedade do Banco do Brasil, e que este seria, em tese, o responsável pelas adequações necessárias. Porém, não sinaliza no sentido de sanar os problemas.

Diante dessa situação e da precariedade em que se encontra o atual espaço, o Poder Legislativo optou por locar um imóvel. Após os trâmites necessários, como licitações, ficou definido que a Câmara de Vereadores será instalada no prédio de Ademir Fucilini, localizado na Rua Rio Branco, esquina do Banrisul. No antigo endereço da Novolar.

O contrato estabelece aluguel de seis mil reais mensais por 60 meses. A mudança deverá ocorrer no mês de julho, durante o recesso. Cabe destacar que atualmente a Câmara de Vereadores não tem despesas com aluguel, água e luz.

Questionado sobre o alto valor do aluguel, o presidente da Câmara disse:

— Tivemos duas ofertas, o outro era de sete mil o aluguel.  E justificou: — Não tem como fazer uma construção daquele porte e alugar por menos. […] Nós temos o recurso no nosso orçamento, sempre trabalhos com economia.

O Vereador Douglas completou:

— O aluguel é inviável, todo mundo concorda, mas é importante esclarecer ao publico que é uma medida transitória, logo que possível nós vamos comprar ou construir.

Quanto ao local, por ser no Centro, o que obviamente torna o valor do aluguel maior, Horácio disse:

— Não é só pelo valor, nós cuidamos também a localização, o ponto onde facilita para a comunidade participar das sessões.

Entramos em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, e fomos informados que o Prefeito Naldo Wiegert e o vice Marcelo Both concederão entrevista à Rádio Querência, para informar o posicionamento do Executivo diante da situação envolvendo a investigação do Ministério Público quanto as irregularidades do prédio.

No site do Ministério Público, consta que o inquérito, onde são partes os Poderes Legislativo e Executivo, foi, na data de ontem, 13, prorrogado por um ano em virtude da necessidade de realização de novas diligências.

FOTO: Arquivo MP

 

 

 

 

 

Os comentários estão desativados.