Início Notícia Voltar

Mãe e padrasto acusados de tortura e morte de menino de dois anos em Cidreira vão a júri nesta quinta-feira

Julgamento pela morte de Anthony Chagas de Oliveira ocorre no Fórum de Tramandaí; sessão terá início às 9h

11/04/2024 07:49 por redação


CapaNoticia

 

mãe e o padrasto do menino Anthony Chagas de Oliveira serão julgados pelo Tribunal do Júri de Tramandaí, no Litoral Norte, nesta quinta-feira (11). O julgamento tem início às 9h.

 

Em outubro de 2022, Anthony chegou desmaiado a um posto de saúde em Cidreira, onde foi constatado que ele havia sofrido múltiplas lesões. O menino não resistiu aos ferimentos e morreu no local, aos dois anos de idade.

O padrasto, que tinha 21 anos na época do ocorrido, responde pelas acusações de homicídio qualificado por motivo fútil, meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima e cometido contra menor de 14 anos, e também de tortura. Ele é acusado de agredir a criança com socos, tapas, puxões e empurrões, em razão de um suposto choro do menino.

A mãe, que tinha 26 anos quando Anthony foi morto, responde apenas pela acusação de tortura. Ela é apontada como omissa às agressões do seu companheiro à criança. 

O réu já estava preso preventivamente na Penitenciária Estadual de Canoas (Pecan). Já a ré estava em liberdade provisória até o julgamento.

GZH



Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.


Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.

Ouça aqui

89.7 FM

Programação Religiosa

Ouça aqui

91.5 FM

Batidão Sertanejo
89.7
91.5