Santo Augusto
FOTO- Divulgação/BM

Números mostram redução na criminalidade em Santo Augusto

9 de janeiro de 2020 Comandante da Brigada Militar falou sobre a redução dos índices!


Curta e Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

 

Na quarta-feira, 08, o 7º Batalhão de Polícia Militar, – que atua nos 21 municípios da Região Celeiro -, divulgou os índices de criminalidade referente ao ano de 2019.

Segundo consta na nota divulgada, os resultados são positivos no combate à criminalidade, com redução dos números. As exceções são para homicídios, que se mantiveram estáveis – 13 ocorrências em cada um dos anos -, e roubos de veículos, com pequeno aumento – 10 em 2018 e 11 em 2019.

A redução dos indicadores se deve as várias ações preventivas e repressivas desencadeadas pela Brigada Militar, bem como pelas atividades integradas realizadas pelos órgãos de segurança pública, diz a nota.

Em relação a Santo Augusto, dos 12 itens monitorados pela Secretaria da Segurança Pública, 11 tiveram redução, com destaque para os furtos – 133 registros em 2018 e 105 em 2019, redução de 21,05%. Nos dados divulgados não constam números referentes ao mês de dezembro de 2019.

Destaca-se que o único item que registrou aumento foi a posse de entorpecentes, o que é positivo e mostra a ação eficiente das forças policiais no intuito de reprimir os crimes – 2 em 2018 e 18 em 2019, aumento de 900%.

Tenente Dias, comandante da Brigada Militar de Santo Augusto, destacou que “o aumento de apreensões de entorpecentes se deve a uma atuação diferenciada por parte da Brigada Militar de Santo Augusto, baseada em inteligência e informações recebidas da comunidade”.

Questionado se a implantação do sistema de monitoramento por imagens no município – em operação desde meados de 2019 – somou para redução dos índices, ele disse: “De modo geral, a redução dos índices pode ser atribuída a um conjunto de fatores, dentre eles, o videomonitorameto, que foi de grande valia”.

Outro fator positivo para a sociedade foram as operações realizadas pela Brigada Militar, que além de inibir a ação de criminosos, ainda retira de circulação veículos irregulares, por exemplo.  Nesse quesito, Dias esclareceu que “a atuação da Brigada Militar através de barreiras não tem foco direcionado ao trânsito, mas sim a redução da criminalidade com o combate aos atos ilícitos, no entanto, as apreensões acontecem como consequência devido às abordagens”.

Por fim, o Tenente destacou a redução no número de homicídios nos últimos dois anos – tivemos uma morte em 2018 e uma em 2019, além de um feminicídio em 2018. Se comparado há 2017, quando foram seis vítimas fatais por esse tipo de crime, a queda é superior a 66%. “Temos que comemorar essa redução”, concluiu.

Destaca-se que os resultados positivos advêm do trabalho desempenhado em conjunto pelas forças de segurança do município. Apesar de o Governo não ter disponibilizado os números relacionados ao mês de dezembro, podemos citar aqui a Operação da Polícia Civil denominada Android IV, que resultou em nove pessoas presas em Santo Augusto no último dia 23 de dezembro.

 

Os comentários estão desativados.

error: Conteúdo protegido !!!