Geral

País registra crescimento no número de transplantes de órgãos

24 de setembro de 2016


Curta e Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Brasil avançou no transplante de órgãos. Entre janeiro e julho deste ano, foram feitos 12 mil transplantes, segundo dados do ministério da Saúde.

 

Esses procedimentos ocorreram graças a 1.438 doadores – um recorde, segundo o governo. O número de doadores no primeiro semestre representa um crescimento de 7,4 por cento em relação ao mesmo período de 2015.

 

Na região, o Hospital de Caridade de Ijuí – HCI realizou na última quarta-feira, 21, a sexta captação do ano. O processo foi possível após autorização da família do paciente natural de São Borja, que morava em Panambi, e que teve diagnóstico de endocardite, o que evoluiu com AVC hemorrágico. Houve retirada dos rins e fígado, posteriormente encaminhados para Porto Alegre, onde ocorreu transplantes em receptores compatíveis.
 

Mesmo com o aumento de doadores a nível nacional, quase metade das famílias brasileiras ainda rejeita a doação de órgãos de um parente, de acordo com o ministério. No País, autorização para o ato é concedida pelos familiares, após a morte encefálica.

 

Para estimular cada vez mais a população a ser doadora de órgãos e fazer com que o Brasil alcance anualmente a meta de 14,4 doadores por milhão da população, a campanha nacional de doação foi lançada, no último dia 17, no Rio de Janeiro, durante as Paralimpíadas.

 

Com o slogan “Viver é uma grande conquista. Ajude mais pessoas a serem vencedoras”, a divulgação é estrelada por atletas transplantados e marca o mês de comemoração do Dia Nacional da Doação de Órgãos, 27 de setembro.

 

Neste sábado, dia 24, será realizada uma mateada na Praça da República em Ijuí com início ainda pela manhã. A ideia é proporcionar um momento de reflexão sobre esta temática de grande relevância para a comunidade local e regional.  

Ressalta-se que, para você ser um doador, basta você conversar com sua família e deixar bem claro a sua vontade de doar órgãos", explica a enfermeira coordenadora da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante do HCI Francesca Bilibio Lemanski. 
 

Dpto, Jornalismo RQ/ Maira Kempf

 

Os comentários estão desativados.

error: Conteúdo protegido !!!