Santo Augusto

Prefeito diz que Banco do Brasil vai providenciar melhorias no prédio da Prefeitura

15 de maio de 2019 Quanto à decisão dos vereadores, Prefeito disse que poderes são independentes.


Curta e Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

Em entrevista à Rádio Querência na manhã desta quarta-feira, 15, o prefeito Naldo Wiegert e o vice Marcelo Both trouxeram esclarecimentos referentes à situação do prédio da Prefeitura.

Isso ocorreu após uma entrevista dos vereadores, na manhã de ontem, 14, onde os mesmos informaram que vão desocupar o quarto andar do prédio da prefeitura e alugar um novo espaço para instalar a Câmara de Vereadores. Os motivos seriam as precárias situações do atual endereço da câmara, principalmente em relação à falta de PPCI e ao risco eminente aos usuários. O Ministério Público investiga a situação do prédio.

O prefeito Naldo Wierget foi enfático ao esclarecer que existem alguns problemas no prédio – pertencente ao Banco do Brasil – porém, o locador informou que fará as reformas necessárias.

– O Banco está providenciando as melhorias necessárias, entre elas o PPCI. Extintores existem. O que falta é uma escada de emergência com saída no segundo andar. O projeto foi recusado pelos bombeiros, mas no momento que for aceito, serão feitas as adequações pelo Banco do Brasil. Também, o material para consertar o telhado – que tem provocado goteiras e infiltrações no prédio – já está no terreno do Banco do Brasil, disse o prefeito.

Quanto à decisão dos vereadores, de mudar de endereço, o prefeito esclareceu:

— Os poderes são independentes. A mudança é uma escolha dos mesmos, haja vista que o Presidente da Câmara na época das notificações do MP (Douglas Bertolo) foi informado sobre a decisão do Banco do Brasil, de providenciar melhorias. O atual presidente (Horácio Dornelles) também foi comunicado. Ambos alegaram a pretensão de sair do prédio.

O novo endereço da Câmara de Vereadores será no antigo endereço da Novolar, próximo ao Banrisul. O valor do aluguel será de seis mil reais. O contrato firmado prevê locação por 60 meses.

Em relação à Prefeitura, muitos ouvintes e internautas questionaram, durante a entrevista do Prefeito, se o valor pago no aluguel do atual prédio – em torno de 12 mil reais por mês – não poderia ser investido na construção de uma sede própria.

— Não teríamos recursos para construir uma sede própria para a prefeitura, argumentou.

Quanto à notificação do Ministério Público, o prefeito disse:

—O MP notificou sim a Prefeitura e recomendou algumas coisas, mas não existe nenhuma obrigatoriedade. Recomendou que fossem adotadas providências administrativas para questão de segurança.

Sobre a possibilidade de trocar a prefeitura de endereço, o prefeito informou:

— A questão foi analisada, alguns locais foram visitados, mas, como o Banco do Brasil informou que faria as adequações, decidimos ficar.

Acompanhe a entrevista:

Os comentários estão desativados.

error: Conteúdo protegido !!!