Geral
Foto- Observador Regional

VÍDEO- Conflito termina com índio morto e pessoas feridas em Redentora

7 de novembro de 2019 O confronto ocorreu na tarde desta quinta-feira. A ERS-330 está bloqueada na altura de Estiva, em Redentora!


Curta e Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

 

Um confronto armado entre grupos indígenas rivais terminou com um índio morto na tarde desta quinta-feira, 07, em Redentora.  O fato aconteceu por volta das 14 horas, em São João do Irapuá. Há semanas se mantém um conflito na Terra Indígena do Guarita, maior comunidade indígena do Rio Grande do Sul.

O nome das vítimas não foi divulgado até o momento.  A vítima fatal seria familiar do cacique Carlinhos Alfaiate. Há relatos de que a confusão iniciou durante uma tentativa de reunião entre os dois grupos. Além de um indígena morto, a confusão ainda resultou em três feridos, sendo dois por disparos de armas de fogo e uma mulher por golpes de facão. Uma das vítimas foi conduzida ao Hospital de Caridade de Três Passos e os outros para Palmeira das Missões.

Um indígena foi preso por posse ilegal de arma de fogo. Várias  viaturas da Brigada Militar estão no atendimento da ocorrência.

A ERS-330 está bloqueada na altura de Estiva, em Redentora. Em pronunciamento, o cacique lamentou o ocorrido, e disse que a rodovia permanecerá bloqueada até que a “Justiça seja feita”. Eles pedem a presença de representantes das autoridades federais.

Situação na Reserva

A Fundação Nacional do Índio protocolou no Ministério da Justiça o pedido de intervenção federal na reserva, que reúne 7 mil caingangues e cerca de 800 guaranis. Ainda não há decisão quanto a isso.

A rixa na reserva opõe o atual cacique, Carlinhos Alfaiate, e o vice-cacique, Vanderlei Ribeiro, o Vandinho. Os dois partilham a governança sobre os índios há cerca de dois anos e se desentenderam a respeito da nomeação de cargos em escolas e postos de saúde, entre outros assuntos.

A disputa entre os grupos dos dois líderes indígenas resultou em seis atentados a tiros em duas semanas, além de duas casas incendiadas, segundo a polícia.

 

Informações Jornal Província

Os comentários estão desativados.

error: Conteúdo protegido !!!